Anúncio
Vingança

Após tocar fogo na moto da ex, criminoso reage à prisão e foge

Está foragido

23/09/2019 08h42Atualizado há 3 semanas
Por: Ananias Araujo
Fonte: longah
1.361

A companhia de Polícia Militar de Cabeceiras do Piauí anda em busca de um perigoso criminoso chamado Vanderli, conhecido com Vaqueirinho. Ele é acusado de, na madrugada deste domingo (22), atear fogo na moto Honda Pop da ex-companheira identificada apenas como Lauriane.

 

Foi apurado que Lauriane, apesar de ter uma medida protetiva para evitar a aproximação do ex, foi importunada por ele em uma festa no Povoado Lisboa, zona rural de Cabeceiras. Ela contou à polícia que Vaqueirinho a rondava de forma insistente, chegando a derramar cerveja em seu cabelo.

 

“Quando a Lauriane decidiu ir embora percebeu que a sua moto não estava no local que deixou estacionada. Ela procurou a Polícia Militar ainda de madrugada para informar o sumiço da moto, mas pela manhã ela e uma amiga encontraram o veículo, mas estava todo queimado. No momento que encontraram a moto, as duas ouviram alguém se aproximar, se esconderam e viram quando Vanderli se aproximou, confirmando assim que ele roubou a moto e em seguida ateou fogo”, segundo informações do Sargento Luís Carlos, comandante da companhia de Polícia Militar de Cabeceiras do Piauí.

 

Moto da ex-companheira é queimada por vingança

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários