AS PESSOAS OLHAM VOCE VENDE
Auxílio emergencial

Mães que recebem Bolsa Família ficam sem auxílio emergencial

Chefes de família com direito ao benefício de R$ 1.200 tiveram pagamento de abril sem grana extra

05/05/2020 16h38
Por: Ananias Araujo
Fonte: AGORA
648

[16:36, 05/05/2020] Profissional Studio Publi: Mãe de família, desempregada e sem o auxílio emergencial do governo. Essa é a realidade de dezenas de mulheres beneficiárias do Bolsa Família ouvidas pelo Agora que relatam não terem recebido o benefício de R$ 1.200 em abril.

De acordo com o Ministério da Cidadania e com a Caixa, quem ganha até R$ 600 de Bolsa Família e se enquadra nas regras definidas (como não ter emprego formal, por exemplo) tem direito à grana emergencial que começou a ser paga em abril.

No caso de mães chefes de família, a cota é dupla e, logo, recebem R$ 1.200.

“Sou mãe solteira e recebo R$ 130 de Bolsa Família, que veio em abril sem o valor do auxílio”, diz a pescadora Denise dos Santos, 27 anos, de Nova Olinda (MA).
“Estou prestes a passar fome com minha filha e não consigo uma explicação. Quando tento entrar pelo aplicativo, diz que já tenho cadastro único”, queixa-se.