PSIGRANJA 728 X 90
Cabeceiras do Piauí

População reclama falta de remédios em Cabeceiras do Piauí e prefeito culpa cidades vizinhas

O prefeito Zé Joaquim (PP), durante entrevista a rádio Verdes Campos FM, negou, mas em seguida admitiu que falta medicamentos, mas culpou os municípios vizinhos.

20/07/2020 20h07
Por: Direto da redação
Fonte: Campo maior em foco

Populares denunciaram que faltam medicamentos na farmácia básica de Cabeceiras do Piauí. Entre os medicamentos que estariam em falta, estão os de uso contínuo e indispensável, como os do tratamento de hipertensão. Ainda segundo a denúncia, desde que iniciou a pandemia do novo coronavírus, a secretaria municipal de saúde, que é esposa do prefeito, “sumiu” da cidade.

O prefeito Zé Joaquim (PP), durante entrevista a rádio Verdes Campos FM, negou, mas em seguida admitiu que falta medicamentos, mas culpou os municípios vizinhos. Segundo ele, o governo federal repassa R$ 5 mil e o município compra entre 60 e 70 mil em medicamentos, mas não é suficiente.

Zé Joaquim atribuiu o problema ao fato de pessoas de Comunidades dos municípios, como Campo Maior, Boa Hora, Boqueirão do Piauí, Lagoa Alegre, José de Freitas e Barras procurarem atendimento médico em Cabeceiras. Por ser mais perto, no caso de comunidades que limitam, e pelo fato da saúde do município ser melhor.